Home / Destaque / Trump chama ONU de “triste”, dias após votação contra assentamentos de Israel

Trump chama ONU de “triste”, dias após votação contra assentamentos de Israel

Nota: Observe que o palco está totalmente montado para que o mundo esteja a favor de Israel, e desta forma, quando Donald Trump assumir a presidência dos Estados Unidos terá o mundo a favor de Israel, assim o cumprimento de Daniel 11:45, logo terá o seu cumprimento. Confira este tema a luz do: http://adventistahistorico.com.br/2016/10/24/a-profecia-dos-dez-jubileus-do-rabino-judah-ben-samuel-em-relacao-a-jerusalem/
trump-3

Donald Trump classificou nesta segunda-feira a Organização das Nações Unidas de “triste”, apenas alguns dias depois que o Conselho de Segurança da ONU aprovou uma resolução exigindo o fim dos assentamentos israelenses, apesar da pressão do presidente eleito dos EUA por um veto de Washington.

“As Nações Unidas têm um potencial tão grande, mas agora é apenas um clube para as pessoas se reunirem, conversarem e se divertirem”, disse Trump em um post no Twitter.

Na sexta-feira, os Estados Unidos permitiram que o Conselho de Segurança da ONU adotasse uma resolução exigindo um fim para os assentamentos israelenses, ao se absterem na votação, abrindo caminho para que o conselho de 15 membros aprovasse a resolução com 14 votos a favor.

A ação do governo de Barack Obama rompeu com a longa atitude norte-americana de proteger Israel, aliado antigo de Washington que recebe mais de 3 bilhões de dólares em ajuda militar anual dos EUA. Os EUA, junto com Rússia, França, Reino Unido e China, têm poder de veto no conselho.

Israel e Trump pediram para que o governo Obama vetasse a medida. Trump escreveu no Twitter depois da votação: “Sobre as Nações Unidas, as coisas serão diferentes depois de 20 de janeiro”. Ele fez referência ao dia em que toma posse no lugar de Obama.

(Reportagem de Susan Heavey) – MSN

Veja Também

IASD

Como e Quando Começou o Domínio dos Jesuítas na Igreja Adventista ? (Vídeo)

“Uma entrevista com June Rick que expõe como os Jesuítas de Roma tem infiltrado a ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>